PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Dia Mundial do AVC é tema do Papo Saúde desta terça (26); público poderá tirar dúvidas na transmissão ao vivo

25 de outubro de 2021 - 09:11 # # #

Texto: Ariane Cajazeiras | Arte: Déborah Muniz

Na próxima sexta-feira (29) é celebrado o Dia Mundial do AVC. Conhecido popularmente como derrame, o acidente vascular cerebraé a segunda maior causa de mortalidade no Brasil. A condição é o principal agente de incapacidade no mundo; estudos indicam que uma em cada quatro pessoas terá AVC ao longo da vida. Para falar sobre o tema, a Escola de Saúde Pública do Ceará Paulo Marcelo Martins Rodrigues (ESP/CE), vinculada à Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), realiza, nesta terça-feira (26), mais uma edição do Papo Saúde. A live semanal terá como tema o “Dia Mundial do AVC” e será transmitida a partir das 19h30 no perfil do Instagram @espceara.

O convidado desta semana é Francisco Mont’alverne, neurologista do Hospital Geral de Fortaleza (HGF). A conversa será conduzida pela supervisora do Centro de Extensão em Saúde da Escola, Luciana Lopes, e abordará, entre outros assuntos, os tipos de AVC, prevenção e hábitos que podem evitá-los. O bate-papo ao vivo é aberto para que o público tire dúvidas e faça apontamentos sobre o tema.

Sinais de Alerta

Existem dois tipos de AVC: o isquêmico, que ocorre quando há o entupimento de vasos sanguíneos em alguma área do cérebro; e o hemorrágico, quando um vaso intracraniano rompe. Entre os sinais de alerta mais comuns, estão fraqueza ou formigamento na face, no braço ou na perna, especialmente em um lado do corpo; confusão mental, alteração da fala ou compreensão; alteração na visão, no equilíbrio, na coordenação, no andar; tontura e dor de cabeça súbita, intensa, sem causa aparente.

O principal fator de risco para a ocorrência do AVC é a hipertensão arterial. Em seguida, vem arritmia cardíaca, diabetes, tabagismo, colesterol alto e obesidade. Outros fatores estão relacionados à idade, raça e herança genética.

Centro de Referência

O Hospital Geral de Fortaleza é hoje Centro de Referência no atendimento e tratamento da doença no Ceará. A Unidade de AVC do HGF existe há 12 anos anos e é composta por equipes interdisciplinares (médicos neurologistas e clínicos, enfermeiros, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional, nutricionista, técnicos de Enfermagem e maqueiro) de plantão 24 horas, além de aparato tecnológico para diagnósticos que compõem estrutura jamais vista em hospitais – públicos ou privados – de todo o País.

Serviço

Papo Saúde na ESP
Tema: Dia Mundial do AVC
Quando: terça-feira (26), a partir das 19h30
Convidado: Francisco Mont’alverne, neurologista do Hospital Geral de Fortaleza
Acesse em: instagram.com/espceara