PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

ESP-CE vai sediar Centro Colaborador de Vigilância Sanitária

21 de setembro de 2009 - 14:23

A Coordenadoria de Pós-graduação em Vigilância da Saúde da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP-CE) articula, em parceria com o curso de Farmácia da Universidade Federal do Ceará (UFC), a implantação de um projeto de cooperação técnica para a implantação do Centro Colaborador em Vigilância Sanitária, que terá sede da ESP-CE. A iniciativa tem apoio do Centro de Gestão do Conhecimento Técnico-Científico – CGTEC da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

A proposta foi encaminhada à ANVISA após reunião no último dia 04 de setembro, com a presença do superintendente Haroldo Pontes, da coordenadora do Centro de Gestão do Conhecimento da ANVISA, Maria Cristina da Costa Marques, da coordenadora do Grupo Temático de Vigilância Sanitária da ABRASCO, Ana Figueiredo e do professor do curso de Farmácia da UFC, Paulo Arrais. Cumpridas as formalidades na ANVISA, será firmado um convênio com duração de três anos, em cerimônia que contará com a presença de representantes das instituições envolvidas.

Estruturação

A elaboração foi realizada pelas duas instituições, sendo fruto de oficinas de trabalho com a participação de representantes do Núcleo de Vigilância Sanitária da Secretaria da Saúde do Ceará, da Vigilância Sanitária do município de Fortaleza, do escritório da ANVISA/PAF, dos diversos projetos desenvolvidos pelo Curso de Farmácia da UFC e por técnicos do Centro de Gestão do Conhecimento da ANVISA.

O Cecovisa é estruturado em três eixos: ensino, pesquisa e disseminação do conhecimento, Sua implantação possibilitará a consolidação da área de Vigilância Sanitária na ESP-CE e UFC, assim como irá promover pesquisas no campo da vigilância sanitária e uma maior aproximação dessas instituições com os serviços de VISA estadual e municipais.

Atividades

Entre os objetivos específicos do Centro está o desenvolvimento de programas educacionais lato sensu e de curta duração, destinados a profissionais que atuam na área de Vigilância Sanitária. A oferta de especializações em Direito Sanitário, Vigilância Sanitária, Biossegurança nos Serviços de Saúde e Curso Básico de Emergências Toxicológicas são algumas das ações previstas no projeto. No eixo disseminação do conhecimento, devem ser realizadas atividades como fóruns científicos e seminários.

Segundo a coordenadora de pós-graduação em Vigilância da Saúde, Alice Pequeno, desde o ano 2000 a ESP-CE desenvolve atividades na área de Vigilância Sanitária e é referência no assunto. “O que se pretende com o Centro Colaborador é ampliar a oferta de capacitação e conteúdo para profissionais que atuam no serviço, fortalecendo a estratégia de apoio técnico e científico na realização deste trabalho”, afirma.

Atualmente, existem Cecovisas na Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), Universidade Federal da Bahia (UFBA), Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Assessoria de Comunicação e Marketing