PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Resíduos de Serviços de Saúde é tema de capacitação

10 de agosto de 2009 - 16:29

                                                                                                       
                                                                                                  Foto: Andréa Veras
 

A Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde da Secretaria da Saúde do Ceará e a Coordenadoria de Pós-Gradução de Vigilância em Saúde da Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP-CE) realizarão, de hoje, 10 de agosto, até a próxima quinta-feira, 13 de agosto, duas turmas do Curso de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde. Com carga horária de 20 horas, o curso será ministrado por André Luiz Lopes Sinoti e Luiz Carlos da Fonseca e Silva, instrutores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Nos dias 10 e 11 de agosto, serão contempladas duas turmas de 50 alunos cada, nas quais irão participar os responsáveis pelo gerenciamento de Resíduos de Serviços Saúde dos Hospitais Pólo do Interior; Hospitais de Grande e Médio Porte do Interior; Hemocentros do Interior; Lacens do Interior; e clínicas de Hemodiálise do Interior. Irão participar, também, os técnicos da CCIH e Núcleo de Vigilância Sanitária da Secretaria da Saúde do Estado.

Nos dias 12 e 13 agosto, as aulas serão ministradas para mais duas turmas de 50 alunos cada, nas quais irão participar os responsáveis pelo gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde dos Hospitais de Grande e Médio Porte da Capital; Hospitais Sentinelas da Capital; Lacen (Fortaleza); Hemoce (Fortaleza); clínicas de Hemodiálise da Capital; e técnicos das Coordenadorias Regionais de Saúde (CRES) e Vigilância em Saúde da ESP-CE. As atividades da programação acontecerão nas salas Pontes Neto e Haroldo Juaçaba.

Objetivos

Segundo Milena Bonfim, coordenadora pedagógica do curso, o objetivo principal dessa iniciativa é capacitar os profissionais responsáveis pelo gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde, visando a execução do Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde.

A gestão dos Resíduos Sólidos Urbanos no Brasil tem sido um grande desafio para os municípios. “A gestão integrada de resíduos deve priorizar a não geração, a minimização da geração e o reaproveitamento dos resíduos, a fim de evitar os efeitos negativos sobre o meio ambiente e a saúde pública”, esclarece Milena Bonfim.

Em relação aos Resíduos de Serviços de Saúde (RSS), Milena Bonfim informou que dentre a totalidade dos resíduos gerados, apenas uma fração interior a 2% é composta por RSS e deste, apenas 10 a 25% necessitam de cuidados especiais. “Portanto, a implantação de processos de segregação dos diferentes tipos de resíduos em sua fonte e no momento de sua geração conduz, certamente, a minimização dos resíduos, em especial daqueles que requerem um tratamento prévio à disposição final”, enfatizou ela.

No Brasil, a Anvisa e o Conselho Nacional do Meio Ambiente têm assumido o papel de orientar, definir regras e regular a conduta dos diferentes agentes, no que se refere à geração e ao manejo dos resíduos de serviços de  saúde, com o objetivo de preservar a saúde e o meio ambiente, garantindo a sua sustentabilidade.  Nesta perspectiva, a Sesa e a ESP-CE assumiram o compromisso de capacitação dos profissionais responsáveis pelo gerenciamento de RSS no Ceará.

Metodologia

A capacitação utilizará o processo de ensino-aprendizagem, privilegiando a experiência dos participantes, a reflexão sobre sua prática, a introdução de novos conceitos e o desenvolvimento de habilidades.  As atividades dos cursos serão desenvolvidas a partir de levantamento, dados institucionais, trabalho em sala de aula com momentos em pequenos grupos e em plenárias, onde a sistematização de conceitos dar-se-á através de exposições, leituras, análise de texto e debates.

A programação contará, também, com exposições interativas – métodos convencionais de ensino, cujo repasse de informações é centrado no expositor, que comanda o tema abordado e mantém um diálogo com os participantes. As exposições debaterão os seguintes temas: Conceitos e Análise de Risco do Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde; Classificação e Manejo de Resíduos de Serviços de Saúde; Implementação do Plano de Gerenciamento de RSS; Tratamento de RSS; e Disposição Final dos RSS.

 Mais informações pelo fone (85) 3101-1400

 
Assessoria de Comunicação e Marketing da ESP-CE