PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Oficina define currículo de curso para coordenadores municipais de saúde bucal

22 de janeiro de 2009 - 10:23

 

 

 
Capacitar os coordenadores municipais de saúde bucal é o objetivo da Oficina para a elaboração do currículo do Curso de Aperfeiçoamento em Gestão dos Serviços de Atenção em Saúde Bucal. A oficina, realizada nos dias 21 e 22 de janeiro na ESP-CE, é fruto da primeira iniciativa do convênio firmado entre a Secretaria da Saúde do Estado e a Escola de Saúde Pública do Ceará, viabilizando a execução deste curso que treinará cirurgiões-dentistas com atuação nos serviços públicos de Saúde Bucal na condição de gestor.

Ministrada pela Coordenadoria de Gestão em Saúde da ESP-CE, a oficina conta com a participação de alguns coordenadores municipais de saúde bucal e representantes de duas instituições de ensino superior (Universidade de Fortaleza e Universidade Estadual do Ceará). Para enriquecer as discussões, foram convidados dois renomados profissionais da área de gestão em Saúde Pública: Paulo Sávio Goes, da Universidade Estadual de Pernambuco e Maria Cristina Cangussu, da Universidade Federal da Bahia.

Segundo Ivan Rodrigues, do Núcleo de Atenção à Saúde Bucal da Sesa, nesta oficina está sendo definida a estratégia de elaboração do currículo do Curso, com previsão de iniciar a primeira turma em fevereiro. Dele participarão coordenadores municipais de saúde bucal, vinculados aos municípios onde funcionam os cinco Centros de Especialidades Odontológicas Regionais – CEO-R (São Gonçalo do Amarante, Aracati, Tauá, Sobral e Crato).

Com o aperfeiçoamento dos gestores, “a expectativa é que possa haver uma melhor sintonia entre os níveis de atenção primária e secundária, já que hoje existem dificuldades de encaminhamento e execução dos projetos de promoção de saúde”, prevê Ivan Rodrigues. Além de oferecer serviços de Saúde Bucal especializados, o governo estadual, lembra Ivan Rodrigues, “tem a missão de colaborar no processo de gestão da rede de Atenção à Saúde Bucal”.

A idéia é que, ainda este ano, sejam contempladas mais duas turmas com o curso, uma turma para a região Norte e outra para a região do Cariri. Com carga horária de 180 horas/aulas, o curso funcionará quinzenalmente e terá duração de cinco meses. As atividades curriculares serão ministradas pela Coordenadoria de Gestão em Saúde da ESP-CE.

Assessoria de Comunicação e Marketing da ESP-CE – ascom@esp.ce.gov.br