PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

13. Técnico em Sistema de Informação em Saúde

31 de julho de 2008 - 19:31

13.1 Apresentação:

O ordenamento legal do SUS aponta as responsabilidades dos gestores do sistema para com o desenvolvimento e a formação dos trabalhadores para o setor saúde. Este programa de ensino visa ao atendimento de uma dada necessidade do Sistema Único de Saúde (SUS), considerando lacunas existentes na área de sistema de informação em saúde nos municípios do Estado do Ceará. Os sistemas de informação têm dois importantes objetivos, quais sejam: disponibilizar informações epidemiológicas para os gestores do SUS, bem como possibilitar o financiamento da saúde no município. Quando estes sistemas não são adequadamente alimentados e analisados, informações epidemiológicas essenciais são negligenciadas, com implicações na atenção à saúde. A partir da identificação dessa lacuna no Sistema de Saúde, a Escola de Saúde Pública do Ceará, em parceira com o Sistema Municipal de Saúde Escola de Fortaleza e a Escola de Saúde da Família Visconde de Sabóia, propõe o Curso de Formação de Técnico em Sistemas de Informação em Saúde, baseado na Abordagem por Competência.
13.2 Público-alvo:
Trabalhadores que atuam no Sistema Único de Saúde e pessoas da comunidade que tenham concluído ou estejam cursando o ensino médio.

13.3 Objetivos:
•    Oferecer condições para que o educando desenvolva as competências profissionais necessárias e comuns aos trabalhadores da área da Saúde e as competências específicas da profissão de técnico, de modo a favorecer o diálogo e a interação com os demais trabalhadores, facilitando a navegabilidade na área e ampliando seu campo de atuação.
– Contribuir para a inserção dos técnicos em Sistema de Informação em Saúde no mercado de trabalho;
– Favorecer o aperfeiçoamento profissional do técnico em Sistema de Informação em Saúde.
– Favorecer a adoção de atitudes positivas do Técnico em Sistema de Informação em Saúde frente a mudanças e a novas situações profissionais.

13.4 Metodologia:
O programa de Técnico em Sistema de Informação em Saúde foi construído e será desenvolvido com base na abordagem por competências, tendo como objetivo melhorar a capacitação dos profissionais de saúde para responder adequadamente às necessidades da comunidade e enfrentar novos desafios, promovendo, além da aprendizagem de conhecimentos integrados, o desenvolvimento de atitudes de cooperação, suporte mútuo e congruência social.  

13.5 Conteúdo:
O curso é ministrado em quatro módulos:
Módulo Contextual Básico: Introdução à Profissão de Técnico em Sistema de Informação em Saúde; Princípios da Gestão em Saúde e Planejamento do trabalho; Educação para o Autocuidado; Saúde e Segurança no Trabalho; Biossegurança nas Ações de Saúde; Ética e Legislação em Saúde; Suporte Básico de Vida.
Módulo Específico I: Fundamentos do Sistema de Saúde; Matemática Aplicada; Língua Portuguesa; Metodologia da Pesquisa; Ética Profissional; Introdução à Epidemiologia; Comunicação e Relacionamento Interpessoal; Aplicações Básicas de Informática I
Módulo Específico II: Aplicações Básicas de Informática II; Estatística Descritiva e Vital; Análise de Dados Qualitativos; Análise de Dados Quantitativos; Vinculação aos Sistemas do SUS; Processos de Coleta de Informações; Organização e Tratamento de Dados.
Módulo Específico III: Aplicações Básicas de Informática III; Gestão de Faturamento; Apresentação de Dados Técnicos; Controle e Avaliação dos Dados; Estágio Supervisionado.

13.6 Carga-horária:

1.440 horas, distribuídas entre 800 horas teórico-práticas e 640 horas de estágio supervisionado.