Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto

ESP/CE compartilha saberes há 25 anos

 


 



A Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE) comemora os seus 25 anos de fundação. Instituição de ensino superior reconhecida pelo Conselho de Educação do Ceará, a ESP/CE foi criada em 22 de julho de 1993 sob a forma de uma autarquia vinculada à Secretaria da Saúde do Ceará (SESA). Ela nasceu do sonho de operacionalizar a política de educação permanente em saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) no Ceará.

 




Desde o começo, a ESP/CE teve o desafio de compor e acompanhar uma complexa rede de formação, em parceria com universidades, escolas e cursos profissionalizantes, e hoje, 25 anos depois, essa atuação se amplia e se solidifica em municípios por todo o Ceará.

 




Sua oferta de cursos, de nível técnico e especializações, tem capacitado profissionais e trabalhadores de saúde do Ceará, a maioria deles do interior do Estado. A Residência Médica ampliou o número de vagas e criou novos programas no Hospital Regional do Cariri, na Rede Municipal de Saúde de Fortaleza e de Iguatu. Também foi criada a Residência Integrada em Saúde (RIS-ESP/CE) que, hoje, é composta por diversas ênfases de Residências Multiprofissionais.

 




“Grupo dos Onze”

 




Os primeiros passos para a criação da ESP/CE foram dados em 1993, com a formatação do Regulamento da Escola Técnica, embrião da Escola. Neste ano, foi constituído “O Grupo dos Onze”, formado por técnicos da SESA e educadores da Universidade Federal do Ceará (UFC), que teve como missão discutir a implantação da instituição.

 




Proporcionar maior acesso à formação, à capacitação e ao desenvolvimento das habilidades e competências dos profissionais de saúde a fim de atender às novas exigências e necessidades do SUS, era o pensamento norteador do projeto inovador e ousado de criação da ESP/CE.

 




Formar gestores, planejadores, avaliadores e técnicos especializados nas áreas de saúde foi, então, imperativo para caminhar a passos largos com o processo de consolidação do SUS no Ceará. Nessa perspectiva, em 22 de julho de 1993, o então governador Ciro Gomes sancionou a lei Nº 12.140, de criação da instituição, configurando-se como um ato de visão, tornando real o sonho construído por todos.

 




Dessa forma, o Ceará ganhou uma Escola voltada para educação continuada dos profissionais de saúde, com capacidade estrutural e técnica para a realização de cursos de atualização, capacitação e aperfeiçoamento de recursos humanos para o SUS e, também, para a pesquisa e produção de conhecimentos científicos na área da saúde pública.

 




Ao comemorar 25 anos, a ESP/CE apresenta o cenário de um centro de excelência de disseminação do conhecimento. Ao longo de sua trajetória, construiu mecanismos para um novo espaço na educação, na gestão e na atenção à saúde. Enfrentou momentos de desafios, obstáculos e adversidades. Mas, sobreviveu, desenvolvendo e lutando pelo seu processo contínuo de desenvolvimento sustentável, por construir sua história embasada em valores que funcionam como pilares de transparência, confiança, responsabilidade e compromisso individual, inovação e dedicação de seus recursos humanos. Enfim, tem cumprido com sua nobre missão de habilitar trabalhadores para as crescentes demandas do SUS.

 





Ações

 





Desde sua fundação em 1993, a ESP/CE desenvolve atividades no processo de capacitação e educação continuada de gestores para o sistema de saúde do Estado. Ao longo de sua trajetória, a ESP/CE promoveu não somente ações de capacitação e formação de recursos humanos do Sistema Único de Saúde, como também construiu mecanismos e aberturas para um novo espaço na educação, na gestão e na atenção à saúde.

 




As atividades programáticas relacionadas aos projetos de Residências e Educação Permanente em Saúde são executadas pelas equipes dos Centros de Residência, Vigilância, Gestão e Atenção à Saúde, coordenadas pela Diretoria de Pós-Graduação. As ações referentes a educação iniciada e continuada e de formação técnica e pós técnica são da competência da Diretoria de Educação Profissional em Saúde (Dieps).

 




O compromisso com a promoção, estímulo à realização de trabalhados científicos, na área da saúde, assim como a produção e disseminação deste conhecimento são dinamizados pelo Centro de Investigação Científica (Cenic). A organização do sistema educacional é planejada, monitorada e avaliada pelo Centro de Desenvolvimento Educacional (Cedes). O suporte de Tecnologia de Informação é realizado pelo Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação (Nutic). O gerenciamento do controle e atualização das atividades acadêmicas é feito pela Secretaria Escolar (Seces).

 




Para assegurar o cumprimento de sua missão, a ESP/CE formaliza convênios, contratos e estabelece parcerias estratégicas. A instituição estruturou um Escritório de Projetos que é responsável por reunir todo o portifólio de projetos, planejar, avaliar, conduzir, organizar, controlar e finalizar as atividades dos mesmos e de forma a alcançar seus objetivos. Os processos gerenciais relativos ao desempenho operacional e o alcance dos objetivos estratégicos são acompanhados, monitorados e avaliados pela Assessoria de Desenvolvimento Institucional (Adins).

 







O Patrono da ESP/CE

 

Escolhido como Patrono da Escola de Saúde Pública, o Dr. Paulo Marcelo Martins Rodrigues será sempre lembrado por ter sido um profissional abnegado e amante da Medicina e, também, por suas qualidades de professor dedicado e exemplar, considerado por muitos como tendo sido um reformador do ensino médico no Ceará.

 

Graduado em 1960, no Rio de Janeiro, Paulo Marcelo iniciou sua carreira universitária em 1962, como instrutor de ensino da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará, tendo sido também professor colaborador da Universidade de Brasília (UnB). Além de suas atividades acadêmicas, o professor Paulo Marcelo foi membro das Sociedades Brasileiras de Gastroenterologia, de Nefrologia e de Cardiologia e teve trabalhos publicados nas áreas do ensino e do pensamento médico. Foi presidente do Centro Médico Cearense, em um momento de grandes transformações e sua gestão representou um marco na história dessa entidade médica.

Vítima de enfarte fulminante, faleceu no dia 8 de janeiro de 1989. Deixou mulher, três filhos e muitos médicos formados, que seguiram os caminhos do seu trabalho na Medicina e na Educação em Saúde.
 
 
 

Serviços

Agenda - Setembro 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6

Escola de Saúde Pública do Ceará - Av. Antonio Justa, 3161 - Meireles, Fortaleza-CE - Cep 60165-090

Fone: (85) 3101.1398 - Fax (85) 3101.1423 - E-mail: esp@esp.ce.gov.br - Twitter: twitter.com/espce

Horário de Funcionamento: Segunda-Feira a Sexta-Feira, das 08h00 às 12h00 e 13h00 às 17h00

© 2018 - Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados - Ver localização no mapa